Arquivo da tag: Curitiba

Canto – O Impulso na Voz e no Corpo

Oficina ministrada por Renata Rosa

O objetivo deste trabalho é desenvolver a relação orgânica entre o movimento, a respiração e a produção de voz através de um conjunto de dinâmicas que envolvem rolamentos, o jogo lúdico-técnico do aquecimento vocal e da exploração de ressonâncias e cantos e danças tradicionais onde voz e movimento, canto e dança estão profundamente associados. O foco deste trabalho será a relação precisão/organicidade, o pulso no corpo e na voz, nuances e equilíbrios, a relação com o chão, a energia do canto, suas ressonâncias, a construção da presença e a busca de uma expressividade pessoal

Renata Rosa

Cantora, rabequeira, atriz e pesquisadora, há anos vive mergulhada no contexto poético-musical da Zona da Mata Pernambucana e do Baixo São Francisco Alagoano.

Estudou Letras e Fonoaudiologia na USP e Música com habilitação em Canto na Universidade Livre de Música Tom Jobim. Aprendeu a arte do canto sinuoso das cantadeiras no convívio com Cema e Noraia (Aldeia Kariri-Xocó).

Integrou o Núcleo de Estudos da Voz na PUC de São Paulo, e o Núcleo de Ação e Performance do Pólo Sul Americano do Ator Contemporâneo (RJ), dirigido pelo diretor iraniano e pesquisador das linguagens teatrais Massoud Saidpour.

Desenvolveu o trabalho de pesquisa sobre movimento e voz “ Canto e dança  – o impulso na voz e no corpo” a partir dos cantos caboclos do Baixo São Francisco e vem ministrando workshops a inúmeros  Centros de formação e Companhias de teatro, música e dança no Brasil e no exterior, com destaque para: VIVA! Performances (Cleveland Museum of Arts /Ohio), Centre Hippocampe e Theatre de la Ville  (Paris), Conservatórios de Amsterdam e de Roterdam , entre outros.

Foi a protagonista feminina Maria Safira da minissérie A Pedra do Reino, de Luis Fernando Carvalho, para a qual também musicou os poemas de Ariano Suassuna e dirigiu o Coro de Maria do Badalo.

Seus discos receberam os Prêmios CHOC DE L’ANNÉE 2004 (Zunido da Mata) e Prêmio da Musica Brasileira 2009 (Manto dos Sonhos).

Número de vagas: 20

Carga horária/nº de dias: 4 horas/ 3 dias  Total : 12 horas

Público alvo: músicos, atores, cantores, bailarinos e estudantes

Os alunos devem trazer uma roupa para o treino físico e outra para o canto (calça para os homens e saia rodada para as mulheres)

O piso deve ser extremamente limpo, pois a primeira dinâmica do trabalho inclui rolamentos.

1 comentário

Arquivado em PRINCIPAL

Fuá Produções – O Furdunço arretado do balacobaco

Boa Noite a todos! Agora está inaugurado o blog do fuá!

Este fuá” todo foi criado para ser um espaço coletivo de manifestações artísticas e de novidades culturais pra esquentar a gélida Curitiba.

Pra quem não sabe, somos uma produtora artística, composta por três mulheres no mínimo “deferentes” e cheias de atitude podemos assim dizer.

Julia Basso, é batuqueira e cantadeira, adora um movimento cultural, e onde tem roda de batuque está ela com seu dendê e a saia rendada. Toca no Voa Voa Maracatu e tem um baita de um axé.

Analice Trindade, adora um fuá também apesar da sua carinha de garota certinha. E ainda bem que ela é organizada, por que se não estávamos lascadas. Produziu eventos dos mais variados tipos desde dança japonesa (era isso ana?) até teatro de rua. A garota “arrepia!”

Bom, falar de mim é o mais dificil. Ás vezes sou do tipo “descolada” cara de pau, e ao mesmo tempo tenho um jeito meio zen, “haribol”.  Eu sou pifeira, e desde que encontrei o caminho das flautas ficava sonhando em tocar e cantar , sei lá… levar alegria por aí(?). Num é que o trem até que tá dando certo…

Enfim, somos um trio parada dura

Aguardem que as novidades vão ferver por aqui!

Beijos e muita paz e fuá a todos

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Não categorizado